Conheça a alma

A palavra alma, em alguns casos também traduzida como espírito (ψυχή – psique em grego significa “eu sopro”, derivada da palavra ψύχω – psýcho: soprar, esfriar mediante a sopro ou πνεῦμα – pneuma em grego, que significa fôlego, ar ou vento, também equivalente à ר֫וּחַ – ruach ou נָ֫פֶשׁ – nephesh em hebraico), se refere à vida, aos sentimentos e aos pensamentos e não a uma entidade que pode existir fora do corpo. Isso fica claro pelo texto de Mateus 2:20, onde a palavra psique é, em conjunto com o texto, traduzida como “procuravam a morte do menino” ou “atentavam contra a vida do menino”. O texto refere-se ao anjo que apareceu para José, e estava orientando-o a proteger a vida (psique) do menino Jesus, e não a “alma espiritual separada do corpo” como alguns acreditam e que não faria nenhum sentido para a história de Jesus. Em alguns textos, fica claro que a “alma” (traduzida em vários locais pela palavra vida) se alimenta de maneira física (Mateus 6:25, Lucas 12:22) e pode deixar de existir. Em outros textos, se fosse considerada a tradução de psique, ao invés de vida, como “alma espiritual separada do corpo” o texto ficaria com sentido negativo (Mateus 10:39, Mateus 16:25, Mateus 20:28, Marcos 8:35, Marcos 10:45, Lucas 9:24, Lucas 14:26, Lucas 17:33, João 10:11, João 10:15, João 10:17, João 12:25, João 15:13, 1 João 3:16), sendo incoerente com os escritos bíblicos.

O mesmo significado de psique é utilizado em outros textos e traduzida também como vida (Marcos 3:4, Lucas 6:9, João 13:37, João 13:38, Atos 20:10, Romanos 11:3, Apocalipse 8:9). Pneuma também é traduzida como espírito da mesma maneira (Mateus 27:50, João 19:30), em alguns casos a palavra é traduzida como vento e espírito ao mesmo tempo (João 3:8), ou sentimentos. Essa mesma abordagem é utilizada para a palavra psique (Mateus 26:38, Marcos 12:30, Lucas 1:46, João 10:24, João 12:27, Atos 14:2, Efésios 6:6, 1 Pedro 2:11) e pneuma (Mateus 5:3, Romanos 12:11, João 11:33, Atos 18:5, Atos 18:25, Atos 20:22, 1 Coríntios 4:21), indicando que o corpo separado da sua alma, do sopro de vida de sua essência, cessa de existir (sua pneuma morre: Tiago 2:26, seu ruach, fôlego, existe só com vida: Jó 27:3-4) e, em estado de morto, não se sabe de nada, não faz realizações e não se fala com ninguém (Eclesiastes 9:5, Eclesiastes 9:6, Eclesiastes 9:10, Salmos 115:17, Salmos 146:4). Nesse estado, o morto não vai para local nenhum, continua em sua sepultura (Jó 14:12, Jó 17:13), assim como Davi não foi aos céus e continua na sepultura (Atos 2:29, Atos 2:34) até a ressurreição no final dos tempos (Daniel 12:13, João 5:28, João 5:29, 1 Tessalonicenses 4:16). Essa ressurreição ainda não ocorreu (2 Timóteo 2:18). Esse conjunto vida (sopro) e corpo é conhecida como alma vivente (Gênesis 2:7), portanto, com a possibilidade de morrer (Ezequiel 18:4, Ezequiel 18:20), pois, somente Deus é imortal (1 Timóteo 6:16). É perigoso acreditar que a alma do ser humano vive para sempre, pois, a primeira mentira que foi proferida por Satanás é justamente a da imortalidade do ser humano, mesmo em desobediência e cometendo pecado, ou seja, a mentira da imortalidade da alma (Gênesis 3:4, Apocalipse 12:9).

Cristo diz que tanto o corpo, quanto a alma (psique) morre (Mateus 10:28). Há diversos textos que descrevem que a alma morre (nepheshGênesis 19:19, Números 23:10, Josué 2:13, Josué 2:14, Juízes 5:18, Juízes 16:16, 1 Reis 20:31, 1 Reis 20:32, Salmos 22:29, psiqueTiago 5:20). Podendo ser levada à cova (Jó 33:22, Salmos 89:48) ou não deixada lá (Salmos 16:10, Salmos 30:3, Salmos 49:15, Provérbios 23:14). Alma também pode ser decepada, eliminada ou destruída (nepheshGênesis 17:14, Êxodo 12:15, Levítico 7:20, Levítico 23:29, Josué 10:37, Salmos 78:50, Ezequiel 13:19, Ezequiel 22:27, psiqueAtos 3:23, Apocalipse 16:3), podendo ser morta até por espada (Ezequiel 33:6), estrangulamento (Jó 7:15) ou afogamento (Jonas 2:5).

Como a alma sem um corpo não está consciente e os mortos de nada sabem, Deus proibiu a consulta com mortos desde o princípio, e isso foi incluso nas leis de Moisés (Levítico 20:27) e é abominável para Deus (Deuteronômio 18:11, Deuteronômio 18:12), pois, Satanás pode simular tal aparição (2 Coríntios 11:14) e demônios podem realizar milagres desse tipo (Apocalipse 16:14, Mateus 24:24). Diferentemente do que se acreditava na cultura grega sobre os espíritos que existia entre o povo (Lucas 24:37), Jesus ressuscitou com Seu corpo de carne e osso (Lucas 24:39), inclusive se alimentando (Lucas 24:42, Lucas 24:43).

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.